Pesquisa e Leitura

Seja bem-vindo à Sala de Referência e Leitura Virtual do Arquivo! Encontra-se no espaço onde pode aceder a diversas funcionalidades. Todo o seu relacionamento com o ADP passará por aqui.

Conheça os Projetos do ADP

Neste espaço, poderá conhecer os vários projetos do ADP, os já realizados ou ainda em curso. Surpreenda-se!
Este mês, "40 anos de 25 de Abril, 40 documentos"

 

Tema do mês

Para divulgar a documentação que custodia e os serviços técnicos e funções que lhe estão legalmente afetos, o Arquivo Distrital do Porto dinamiza o projeto “Tema do mês”, apresentando, todos meses, um novo Tema. Descubra o deste mês!

Projeto do mês Arquivo Distrital do Porto

...

Arquivo Distrital do Porto - Áreas de intervenção

Consultoria e apoio técnico: áreas de intervenção

A consultoria e o apoio técnico às instituições do distrito é uma das áreas de intervenção aberta ao exterior e que incide sobre os aspetos técnicos específicos para os quais é requerida.

As competências atribuídas ao Arquivo Distrital do Porto incluem os serviços de consultoria e apoio técnico, quer para «promover o conhecimento e fruição» do património arquivístico da «área geográfica de intervenção, autonomamente ou em colaboração com outras entidades», quer para «assegurar a implementação das políticas de preservação e conservação», a gestão de programas e a «promoção de iniciativas e projetos» definidas pela Direção-Geral do Livro, Arquivos e Bibliotecas (DGLAB) ou o apoio e colaboração com os restantes arquivos distritais em domínios como as «tecnologias da informação, comunicação e transferência de suportes».

A prestação de serviços de apoio técnico e consultoria constitui-se como um indicador de competências adquiridas pelos técnicos, conhecimentos especializados obtidos na formação académica mas também na formação contínua e no trabalho, desenvolvendo as suas atividades em interação quer com as necessidades dos diversos públicos – nomeadamente o que solicita apoio técnico – quer com as diversas disciplinas que, em diferentes registos e tempos, se relacionam com as atividades arquivísticas.

Não é alheio à aquisição destas competências o esforço que o ADP tem feito de participar, delinear e concretizar projetos interdisciplinares relacionados com a sua atividade, focados no desenvolvimento e na inovação, obtendo respostas atualizadas para os seus diversos públicos: das entidades produtoras de documentação aos utilizadores que buscam informação nos arquivos.

As áreas em que o Arquivo Distrital do Porto pode prestar consultoria e apoio técnico são as seguintes:
Conceção e gestão de sistemas de arquivo.
Gestão de documentos.
Avaliação de massas documentais acumuladas.
Transferência de suporte (microfilmagem, digitalização).
Conservação.

Assumindo um papel divulgador das boas práticas resultantes da reflexão que os profissionais da informação e documentação vão fazendo no seu trabalho quotidiano – e que os organismos da área promovem – disponibilizamos alguns documentos relevantes : textos técnicos, artigos de conteúdos mais ou menos acessíveis, visando objetivos diversos, desde a informação genérica sobre cuidados de preservação à abordagem de algum assunto mais especifico; normas, regulamentos e legislação que enquadra algumas das áreas referidas.
Esperamos dar um contributo simples mas relevante para a divulgação junto dos diversos públicos do conhecimento teórico e prático quer na área da ciência da informação/arquivística quer noutras com esta relacionadas.

Arquivo Distrital do Porto - Textos técnicos 

Documentos de carácter técnico, em formato eletrónico, agrupados por entidade produtora.

Conselho Internacional de Arquivos (ICA)

Documentos de Arquivo Electrónicos: manual para arquivistas.

ISAD(G) - Normas Gerais Internacionais de Descrição em Arquivo.

ISAAR (CPF) - Norma Internacional para os Registos de Autoridade Arquivística relativos a Instituições, Pessoas Singulares e Famílias.

Manuel de traitement des archives d'architecture, XIXe-XXe siècles / A guide to the archival care of architectural records: 19th-20th centuries.

Os Arquivos das ONG, uma memória a partilhar. Guia prático em 60 perguntas

Relatório do Sub-comité sobre os instrumentos de descrição: orientações para a preparação e apresentação de instrumentos de descrição.

 

Direção-Geral de Arquivos (DGARQ)

Codificação do nome dos Municípios e das Freguesias

Codificação do Nome dos Municípios e das Freguesias (Introdução)

Codificação do Nome dos Municípios e das Freguesias

Guia para a elaboração de cadernos de encargos e avaliação de software de sistemas eletrónicos de gestão de arquivos

MIP: Metainformação e Interoperabilidade no Contexto do Governo Eletrónico

 

ODA – Orientações para a Descrição Arquivística

Descrição da documentação

 

SIADE – Sistemas de Informação de Arquivos e Documentos Electrónicos:

Recomendações para a gestão de documentos de arquivo eletrónicos.

Caderno 1: Contexto de suporte.

Caderno 2: Modelo de requisitos para a gestão de arquivos eletrónicos.

Tabela de seleção das funções meio.

 

Outros

Orientações para as boas práticas de conservação de documentos de arquivo nas entidades produtoras.

SCROLL TO TOP